Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.unesc.net/handle/1/6484
Título: Análise do efeito da adição de cavacos de aço nas propriedades mecânicas do concreto
Autor(es): Loch, Andressa
Orientador(es): Antunes, Elaine Guglielmi Pavei
Palavras-chave: Fibras de aço
Cavacos de torno
Concreto – Propriedades mecânicas
Descrição: Artigo submetido ao Curso de Engenharia Civil da UNESC como requisito parcial para obtenção do Título de Engenheiro Civil
Resumo: O concreto é um compósito que apesar de ter alta resistência à compressão, possui um comportamento frágil. A adição de fibras ao concreto minimiza este comportamento frágil característico. A fibra de aço tem boa capacidade de carga e módulo de elasticidade, porém possui custo elevado, desta forma, buscou-se um material alternativo que possui composição parecida e que pudesse substituir este reforço. A indústria metal-mecânica produz grande quantidade de resíduo, na tentativa de aumentar a resistência do concreto e diminuindo a utilização de recursos naturais reutilizou-se um destes resíduos, o cavaco de aço, proveniente do processo de usinagem. Considerando suas características físicas percebeu-se que poderia melhorar o comportamento do concreto, que é intrinsecamente frágil. Para tal, verificaram-se as mudanças nas propriedades mecânicas das misturas com adição por meio de ensaios experimentais, tais como compressão axial, tração por compressão diametral tração na flexão e retração hidráulica, todos os testes foram conduzidos conforme a norma brasileira. Com o intuito de verificar a possível oxidação dos cavacos, fez-se ainda o ensaio de envelhecimento acelerado. O presente artigo apresenta uma análise comparativa de amostras com e sem adição de cavacos de aço no concreto. Os percentuais escolhidos foram 0,75%, 1,25%, 1,75% e 2,25% de adição em relação ao volume de concreto produzido. O concreto com cavacos apresentou melhora na resistência a compressão de aproximadamente 25% e um incremento na tração de cerca de 14% para o percentual de 1,75%. Proporcionou melhora de 20% na resistência à flexão com o percentual de 0,75%. de adição de cavacos. Além de apresentar um aumento na deformação conferindo maior ductilidade ao concreto.
Idioma: Português (Brasil)
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso - TCC
Data da publicação: Dez-2018
URI: http://repositorio.unesc.net/handle/1/6484
Aparece nas coleções:Trabalho de Conclusão de Curso - TCC (ECI)

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
AndressaLoch.pdfArtigo1,04 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.